Compreendendo a tensão de cisalhamento crítica resolvida na ciência dos materiais


Saída: Aperte calcular

Compreendendo a tensão de cisalhamento crítica resolvida na ciência dos materiais

Quando mergulhamos no fascinante mundo da ciência dos materiais, um conceito que se destaca é a tensão de cisalhamento crítica resolvida (CRSS) . Este termo pode parecer complexo, mas é um princípio fundamental que nos ajuda a compreender como os materiais se deformam sob tensão. Em termos simples, CRSS refere-se à tensão de cisalhamento necessária para iniciar o deslizamento em uma estrutura cristalina. Esse deslizamento é um tipo de deformação que ocorre quando o material é submetido a um certo nível de tensão.

O que é tensão de cisalhamento crítica resolvida?

Para realmente compreender o CRSS, imagine tentar deslizar uma camada de átomos sobre outra dentro de um cristal metálico. Para que esse movimento ocorra, é necessária uma certa quantidade de tensão de cisalhamento. Essa quantidade específica é o que chamamos de Tensão de cisalhamento crítica resolvida. É um fator chave na determinação da resistência e ductilidade de um material.

A Fórmula

A fórmula para calcular o CRSS é bastante direta:

τ = σ * cos(φ) * cos(λ)

Onde:

Entradas e Saídas

Ao calcular CRSS, as entradas e saídas são claramente definidas:

ParâmetroUnidade de medida
Tensão aplicada ( σ)Pascais (Pa)
Ângulo φGraus (°)
Ângulo λGraus (°)